Emma Watson estrela com Maryl Streep em “Little Women”

A atriz e ativista Emma Watson estrela em filme de época feminista ao lado de Maryl Streep, Saoirse Ronan, Eliza Scanlen, Florence Pugh e Laura Dern.

Inteligente, amável e defensora de causas humanitárias, principalmente as feministas. Cada dia que passa, Emma Watson se torna um pouquinho mais Hermione Granger. Se o caminho de sucesso já estava sendo trilhado, o que devemos falar do lançamento do seu novo trailer? O novo filme, “Little Women”, ~feminista como ela~ conta simplesmente com Maryl Streep. Tem como ter mais sucesso que isso?

O trailer do filme foi divulgado hoje através do seu perfil do Twitter. O “Mulherzinhas” (versão português do título) vai ser a oitava adaptação do livro de Louisa May Alcott, de 1868. As outras adaptações aconteceram em 1917, 1918, 1933 (com Katherine Hepburn), 1949, 1978, 1994 e 2018. Vale apontar também que ganhou uma série em formato de anime em 1988. Confira o trailer do filme que estreia em dezembro deste ano:

Entenda a história

A história gira em torno de quatro irmãs — Jo (Saoirse Ronan), Meg (Emma Watson), Beth (Eliza Scanlen) e Amy (Florence Pugh)— e suas vidas ao lado da mãe (Laura Dern) durante a Guerra de Secessão nos Estados Unidos. Streep aparece como a tia rica (que no final das contas, todas queríamos ser). 

Com a direção Greta Gerwig (“Lady Bird”) traz o adaptação de algo que se torna cada vez mais necessário: destaque sobre a figura feminina. Ao ter tantas promessas com o elenco de peso, a história leva ao imaginário artístico de cada uma das personagens. Atrizes, pintoras e escritoras.

Ainda que seja preciso o foco feminino em filmes, é seguro dizer que a narrativa cujas personagens principais são mulheres é algo muito mais frequente do que era na época de lançamento do livro. Assim como nas outras oportunidades em que o filme foi adaptado, as personagens tentam guiar sua vida como é melhor para elas, mesmo que por vezes controverso. 

 

Expectativa de um clássico

Agora, nos resta aguardar até dezembro para ver esse novo/velho clássico. Desnecessário afirmar que esperamos nos apaixonar tanto quanto foi com a adaptação de “Nasce uma Estrela”, com Lady Gaga e Bradley Cooper.

SOBRE O AUTOR

Ana Szezecinski

Aquela do sobrenome complicado e que usa protetor solar 50. Jornalista.

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.