Grammy 2021: melhores momentos da premiação

No último domingo, dia 14 de março, ocorreu a 63ª premiação do Grammy – prêmio mais importante da música. Em […]

No último domingo, dia 14 de março, ocorreu a 63ª premiação do Grammy – prêmio mais importante da música. Em formato diferente por conta da pandemia, o evento permitiu que os artistas reinventassem suas apresentações. Confira os principais momentos e grandes destaques da noite abaixo:

Harry Styles realizou o show de abertura

Confirmando os rumores que saíram nos dias anteriores, a abertura do Grammy 2021 ficou mesmo por conta do cantor Harry Styles. Em uma performance mais intimista, o artista trouxe o hit “Watermelon Sugar“, do disco “Fine Line” (2019). Harry foi indicado pela primeira vez ao Grammy na categoria de Melhor Álbum Pop Vocal com seu segundo disco da carreira, além de ter vencido o prêmio de Melhor Performance Pop Solo (“Watermelon Sugar”). Styles também concorria ao prêmio de Melhor Videoclipe, mas acabou perdendo para Beyoncé. Assista a um trecho da apresentação. 

Billie Eillish levaram Gravação do Ano

Vencedora do prêmio Artista Revelação na edição passada, Billie Eilish encantou com sua apresentação de “Everything I Wanted”, ao lado de seu irmão e produtor Finneas. Antes da cerimônia oficial começar, a artista recebeu o prêmio de Melhor Gravação para Mídia Visual pela faixa tema do filme “007 – No Time to Die”, que ainda não estreiou. Além disso, a artista venceu o prêmio de Gravação do Ano pela faixa “Everything I Wanted’.  No ano passado, analisei o significado do videoclipe desta faixa lá no meu canal. Não deixe de conhecer 😉

Post Malone surpreende em “Hollywood’s Bleeding” 

Indicado nas categorias Gravação do Ano, Álbum do ano e Música do Ano, Post Malone não levou prêmios para casa, mas entregou uma performance muito boa e sombria da faixa título de seu mais recente disco. 

Homenagem póstuma e outras grandes apresentações

A cantora Brittany Howard e Chris Martin (do Coldplay) trouxeram emoção e doçura ao Grammy 2021 na performance de  “You’ll Never Walk Alone“. O momento aconteceu durante as homenagens da edição aos artistas falecidos da indústria da música. 

 

Outra grande apresentação foi dos coreanos do BTS. Essa foi a primeira vez que o grupo concorreu na maior premiação da música. O troféu de Melhor Performance Pop de Dupla ou Grupo, porém, ficou para “Rain On Me”, colaboração entre as cantoras americanas Lady Gaga e Ariana Grande. Reveja a apresentação dos meninos. 

Megan Thee Stallion vence como Artista Revelação

O prêmio de Artista Revelação foi merecidamente para Megan Thee Stallion. A rapper subiu no palco do Grammy 2021 com seus hits “Body” e “Savage“. A performance se destacou pela coreografia e sensualidade já tradicional da cantora. Doja Cat também era indicada e uma das minhas favoritas ao prêmio. Megan se emocionou ao receber o prêmio das mãos da cantora Lizzo. Elas foram umas das poucas artistas que participaram presencialmente da cerimônia em Los Angeles.

 

A aguardada performance de Dua Lipa também encantou os espectadores. Ao lado do rapper DaBaby, a cantora apresentou os hits “Levitating” e “Don’t Start Now” com dois figurinos lindos e bailarinos muito divertidos!

Cardi B e o funk brasileiro em “WAP”

Outro grande momento da Megan Thee Stallion no Grammy 2021 foi ao lado de Cardi B na performance do grande hit “WAP“. Além da tradicional ousadia da música, a surpresa para os brasileiros ficou por conta de um trecho do remix feito pelo dj brasileiro Pedro Sampaio.

Mais mulheres se destacaram nos prêmios: Taylor Swift e H.E.R.

I Can’t Breathe” venceu a canção do ano do Grammy 2021. A categoria premia os compositores da música. No caso, H.E.R. além de intérprete também escreveu a canção ao lado de Tiara Thomas e Dernst Emille II. A música é inspirada na frase dita por George Floyd, assassinado por policiais nos Estados Unidos no ano passado. A frase virou símbolo do movimento Black Lives Matter. Este foi o terceiro prêmio conquistado pela artista.
 

 
Já uma das artistas mais indicadas do ano, Taylor Swift venceu o principal prêmio de Álbum do Ano com “Folklore”. Antes disto, a artista apresentou faixas de seus dois álbuns de 2020: “Cardigan” e “August“, ambas do disco premiado.
 
 

Beyoncé e o novo recorde de estatuetas

Por último e não menos importante, Beyoncé foi um dos maiores destaques nesta premiação. A cantora ganhou 4 prêmios (maior número da noite) e virou a artista mulher que mais venceu Grammys na história. Poderosa!



SOBRE O AUTOR

Maria Eduarda Michael

Apaixonada por shows e pelo U2.

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.